O Gaúcho Charles Bonatto, em visita à região sul do estado do Rio Grande do Sul, degustou dois vinhos da região que lhes surpreenderam pela maciez e qualidade de vinificação. ÉPICO da vinícola Guatambu, da cidade de Dom Pedrito, um corte de Tannat, Cabernet Sauvignon, Merlot e Tempranillo, e o Brut da vinícola Peruzzo, de Bagé, elaborado pelo método tradicional. Nos últimos anos a Campanha surge como a nova força da produção vitivinícola gaúcha, com um terroir que lhe garante tipicidade bem definida, dada a forte insolação e menor incidência de chuvas, produzindo uvas com elevada maturação de carboidratos e menor acidez, resultando em vinhos com características similares aos chilenos. Para fechar a degustação e homenagear a Serra Gaúcha, Charles degusta o Cabernet Sauvignon 2010 da vinícola Angheben, do Vale dos Vinhedos, uma das empresas mais tradicionais do estado.